Edificação

#comportamento: LINDA & VIRTUOSA

O nosso assunto é sobre beleza, porém hoje a conversa é de dentro pra fora. Talvez essa imagem que ilustra o post seja impactante, certo? Mas infelizmente temos que assumir que é essa a realidade que muitas pessoas vivem.  Postamos nas redes sociais apenas o que queremos que o outro veja e saiba sobre nós. Mas faço-lhes uma pergunta: Quantos likes teria a foto de você gritando com sua mãe? Ou aquele vídeo que mostra as vezes que você peca contra Deus? O texto de hoje é para provocarmos a nossa reflexão. Será que estamos sendo verdadeiros com nós mesmo? Ou o ser  linda tem ficado à frente de ser virtuosa?

“Mulher virtuosa quem a achará? O seu valor muito excede ao de rubis.”
(Provérbios 31:10)

Aqui no blog já falei várias vezes que a moda é minha vocação, e que ela entrou na minha vida ainda no ensino médio entre os 16 anos. Mas o período antecessor a esse é que realmente fez a diferença. Por volta dos meus 13 anos comecei a conhecer o mundo e foram as minhas primeiras experiências com amigos, namorado, festas e também foi me apresentado o Deus o qual eu sirvo hoje. Mas uma coisa que ninguém imaginava, nem mesmo eu, é que meus valores já estavam enganados. Pra mim valia muito mais a pena uma roupa cara a um momento especial, um sorriso – por mais que falso – na foto com a galera do que eu realmente me sentir bem onde eu estava. E queria mostrar para todos que eu estava muito bem. Mais um ponto que estava enganada! Pois na verdade quando estamos tentando mostrar para todos que “estamos bem” procuramos uma aceitação socialmente! Que hoje é medida por quantos seguidores você tem, ou quantos likes você acumula em uma foto. Entretanto, o que adianta ter várias curtidas no Instagram, se Deus não aprova as suas atitudes. Não estou aqui dizendo que não era feliz, pelo contrário, as vezes que estava rodeada de pessoas era a melhor coisa que tinha. Todavia, eu não focava nisso! E devemos sim buscar algo mais verdadeiro e sólido para nossa vida. Acreditar que coisas são apenas coisas, e estas são passageiras. O que vamos levar conosco quando morremos? Serão as roupas que abarrotam nossos armários? Ou as boas ações que temos no dia-a-dia? E você pode estar pensando: “Falou a garota que agora vive postando fotos do instagram!” Estou querendo dizer que deve ter conteúdo do que fazemos, e não deixar de fazer. Faz parte de nossa realidade o meio digital, e nas fotos que posto sempre busco passar uma mensagem. Sejam elas reflexivas, de moda ou até mesmo compartilhar algo muito feliz da minha vida. A nossa aparência pode até conquistar, mas o nosso conteúdo é quem realmente convence.

Neste post, conversamos sobre a relação do SER e do PARECER. E buscamos refletir em qual nos encaixamos. Assumo que havia preparado outro tema para essa semana, mas esse tema que já tinha escolhido foi me incomodado e confirmado através de um post onde uma blogueira australiana falou algumas verdades sobre nosso comportamento. (Clique aqui e confira!) Espero que tenham gostado!

Fiquem com Deus e até a próxima!

1beijodaká :*

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *