Edificação

#comportamento: VAMOS FAZER AS PAZES?

Eu sinceramente não entendo o porquê que tanta gente sempre está em pé de guerra com Deus, quando os falhos são os homens que fazem parte da igreja – inclusive eu. É verdade que esses mesmos muitas vezes apresentam o meu Senhor como o acusador, o machista, o preconceituoso, o arcaico, entre tantas outros adjetivos. E esquece de um dos maiores mandamentos que é amarmos uns aos ouros! (Mateus 22:37) Hoje vamos conversar e refletir sobre o Senhor que eu conheço e suas verdadeiras características.

Quando Jesus foi crucificado, ele recebeu adjetivos que não pertenciam a Ele, e sim as pessoas que o estavam crucificando, e infelizmente hoje não tem sido diferente. As pessoas da igreja que segregam, mas o ‘SEGREGADOR’ é o Senhor. As pessoas da igreja que acusam, mas o ‘ACUSADOR’ é o Senhor. As pessoas da igreja que não são tolerantes, e mais uma vez, quem passa por ‘INTOLERANTE’ é o Senhor. Mais do que nunca, hoje, precisamos fazer as pazes com o Deus de amor e salvação, que não poupou a sua própria vida para que podássemos viver (morte de cristo), o Deus inclusivista que se sentou com aqueles que estavam as margens da sociedade (sentava com cobradores de impostos, pobres e doente), o Deus que respeita que defendeu uma infiel da morte (salvou uma mulher das pedradas), ou o Deus que mudou, e muda, a vida de milhares de pessoas (terra prometida). Ah sim, tem o Deus que te ama tanto que quer que você O escolha de pura e livre espontânea vontade. Afinal, Ele é Deus e poderia nos obrigar a fazer o que quisesse. E sabe o mais legal de todas as verdadeiras características do meu Senhor? Ele é o Deus acolhedor, Ele está pronto, de braços apertos e só esperando a nossa volta/ida.

Infelizmente até eu, cristã, me envergonho do que muitas vezes do que a igreja faz. Porém, como falei no último posta tag compoertamento, a Igreja não é nem nunca será perfeita, e sim um lugar relacionamento com pessoas tão falhas quanto você. E é esse o Deus que conheço, esse é o Deus que eu sirvo e vivo. Esse é o Deus que de vez em quando eu venho tentar falar, pois é, tentar… pois pra mim Ele é indescritível. Mais de uma coisa eu garanto: Eu nunca falei, nem falarei, aqui de doutrina ou do que é certo ou errado porque não é isso que traz salvação, mudança ou renovação. Todas essas coisas só vem por um caminho: DEUS.

1beijodaká :*

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *