DicasModa

#moda: MONTANDO LOOKS COM SUCESSO

Say hello guys!

Um guarda-roupa inteligente não quer dizer um guarda-roupa cheio de roupa. E sim, saber o que usar, onde usar e como usar. Todavia, esse processo de combinação pode parecer um quebra-cabeças de tão complicado. Mas hoje vou provar que não, dando as minhas dicas que sempre uso quando preciso montar uma composição. Estas por sua vez fazem uma receita perfeita para não passar despercebida, mas também, não chamar atenção negativa.

  • Adequação

Não se trata de estar ou não na moda. Acredite, segredo está na adequação. Afinal, ninguém vai de biquíni para o trabalho, nem tão pouco, de calça jeans para praia. Podemos ser o que quisermos: romântica, clássica, sexy, despojada, hippie, rock style, básica, etc. Mas dentro de qualquer dos estilos existem as roupas de trabalho, igreja, lazer, etc.  Isso não quer dizer que seu armário tem que ser etiquetado para cada momento, um vestido combinado a um blazer fica perfeito para o trabalho, assim como, o mesmo vestido com um belo salto fino é maravilhoso para um jantar romântico.

Eu sou apaixonada por curto, e aposto neste comprimento sempre que tenho oportunidade. Ora em um show, jantares informais, aniversário jovem/adulto, etc. Mas não deixo de lado uma pantalona para apresentação de palestras/projetos, por exemplo.

  • Conheça e Respeite seu corpo

Nem todo tipo de Shape (tipo de modelagem) cai bem no nosso corpo. Não gosto disso pois nos limita, mas aceito. Pois não existe apenas um tipo de corpo, logo, a moda não poderia ser feita de maneira universal.  Desde já,  digo que não existe um tipo melhor ou pior de corpo. Cada um tem seus prós e contras. Então conhecendo o corpo e, consequentemente, nossos pontos fortes e valorido-os, assim como, os fracos e melhodo-os, conseguimos assim, minimizar os problemas de caimento e adequação. Se quiser se aprofundar um pouco mais, temos um post aqui no blog sobre tipos de corpo com sugestões para cada tipo, gasta clicar aqui. Entretanto, se existe uma modelagem que você gosta não nos caí bem,  não devemos banir-la, porém devemos estar prontas para os contras.

No meu caso, são os shapes mais restos, menos acinturado. Sei que não valorizam meus seios nem tão pouco minha cintura, inclusive é bem difícil para fotografar por me aumentar visualmente. Mas, com um truque aqui, e alí podemos contornar.

  • Condições climáticas

Provavelmente se ainda estivesse morando no nordeste brasileiro não estaria falando sobre isso, assumo. Mas aprendi que é muito importante está pronta para mudanças climáticas repentinas, inclusive, para surpresas como as chuvas de verão. Seja para apenas uma saída, ou principalmente, para passar o dia todo  fora de casa. A solução aqui é investir no “EFEITO CEBOLA”, que trata-se de otimizar e amplificar o uso do look, criando camadas de roupa. Mais ou menos como: camisa + cardigan + casaco ou qualquer outra. Dessa forma, está pronta para tirar quando mais quente, ou colocar quando mais frio.

  • Defina 2 pontos: I. DIA/NOITE | II. FORMAL/INFORMAL

Definir DIA/NOITE não significa que suas roupas devem estar assim organizadas, na verdade elas podem sim passear entre os períodos do dia, como também, entre as estações. Mas esse é o ponta pé inicial para definição de acessórios, sapatos, cores, texturas, etc. Já o segundo ponto, FORMAL/INFORMAL é quem dá o tom a sua composição final, trazendo equilíbrio para não estar arrumado demais ou de menos.

  • Não deixe de lado sua personalidade, gosto e estilo

Este é um dos mais importantes sem dúvidas, respeitar quem você é. Não podemos deixar que nenhum dos padrões impostos pela massa nos defina. Por causa da estereotiparão da ‘mulher cristã’ (e alguns olhares maldosos também), assumo me sentia muito oprimida do que poderia ou não usar. Porém, estou cada vez mais aprendendo a ser mais confiante e segura. Logo minha dica aqui é: Uma mulher é mulher, ela não deixar de ser isso por causa de um casamento ou maternidade. Logo, ela pode sim usar o que quiser, seja um curto ou um acessório lúdico – como bolsas divertidas.  Falo mais sobre isso em um post totalmente especial aqui no blog, é só clicar aqui.

 

Nenhuma dessas dicas tem uma ordem cronológica, é a combinação delas que me ajuda a chegar a um look todos os dias, e a partir de hoje irá ajuda-las também. Coloque em prática, no início pode parecer difícil, mas depois você irá ficar no automático. Vou ficando por aqui, encontro vocês em um próximo post!
1beijodaká :*

ps. DICAS EXTRAS: I. Deixe looks prontos: Sempre que tenho tempo vou fazendo novas combinações com as roupas que tenho, assim estou sempre preparada para qualquer surpresa. As vezes faço várias composições com a mesma peça para não correr o risco desta ficar encalhada. Ah sim, para não esquecer basta um click no celular. II. Parta de uma peça chave: Escolha sempre uma peça para começar a combinar em volta dela, independente que seja um vestido, sapato, acessório, etc. III. Nunca diga nunca: Moda vem e vai, e nesse processo você não sabe quando seu coração será fisgado. Seja aberto as novas propostas, mas não se venda por qualquer tendência. IV. Buscar inspirações: Não se limite a blogs! Livros, revistas e programas são minhas fontes preferidas de inspiração e conhecimento.  V. Conheça e organize seu guarda-roupa: Se em algum momento você esqueceu que tinha/tem alguma peça algo está errado. Ou você precisa fazer uma geral para doação, ou organizar as peças por cor, tipo, enfim. É importantíssimo saber o que tem para aperfeiçoar os looks. 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *